Content

Tag: mpa

Do Norte Fluminense, veio o coco e o abacaxi. Da Baixada, principalmente o aipim. A região Sul Fluminense, além das hortaliças, trouxe os fitoterápicos e cosméticos a base de ervas medicinais. Até o mais novo assentamento do estado, em Macaé, contribuiu com tomates e abóboras sem agrotóxicos. E foi assim que se construiu a quinta edição da Feira Estadual da Reforma Agrária Cícero Guedes. Camponeses e camponesas vieram de todo estado e puderam mostrar para os cariocas que, sim, a Reforma Agrária pode dar certo, e sim, o estado do Rio de Janeiro produz alimentos saudáveis.

Cícero Guedes, liderança assassinada em 2013, reforçou em sua última entrevista que era necessário realizar mais de uma feira por ano para aumentar o diálogo com a sociedade. E assim foi feito. Além da já tradicional edição de dezembro, que lembra o Dia Internacional dos Direitos Humanos, o MST promoveu a Feira Estadual da Reforma Agrária, no centro do Rio de Janeiro, nos dias 24 e 25 de julho, lembrando o dia do trabalhador e trabalhadora rural.

A reforma agrária no Brasil vai de mal a pior. Em 2013, a presidenta Dilma ainda não assinou nenhum decreto de despropriação de terras para criação de assentamentos rurais. Mesmo assim, os movimentos sociais do campo não economizaram alegria para mostrar os resultados da produção dos seus acampamentos e assentamentos.

No último sábado (21), foi realizada a 2a edição da Feira Cultural da Reforma Agrária, no Centro do Teatro do Oprimido, na Lapa. Alimentos frescos e processados, roupas, artesanato, sabonetes e plantas foram vendidos durante todo o dia para um público de todas as idades que passava pelo local.

Na manhã da última terça-feira (15), cerca de cinco mil camponeses e camponesas do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) ocuparam a unidade de pesquisa da empresa Monsanto, em Petrolina-PE. A ação faz parte da Jornada Nacional de Lutas por Soberania Alimentar, que teve início na segunda (14) e segue até sexta-feira (18).

O currículo de violações aos direitos humanos da empresa Monsanto é extenso. Ela foi responsável pela produção do Agente Laranja, usado pelos EUA na Guerra do Vietnã, entre 1964 e 1975. De acordo com a Cruz Vermelha, 150 mil casos de malformação congênita estão ligados ao Agente Laranja.

Tag: » »

Em dois dias, quem passou pelo campus da Praia Vermelha pôde ter contato com alimentos saudáveis produzidos por agricultores familiares, que não usam agrotóxicos

Foi realizada nos dias 17 e 18 de setembro a terceira edição da Feira da Reforma Agrária, no campus da UFRJ localizado na Praia Vermelha, na Urca, no Rio de Janeiro. Fruto de uma parceria entre os movimentos sociais de luta pela terra e o Pronera (Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária), além da própria UFRJ, a Feira é mais uma conquista para o avanço de uma alimentação baseada na agricultura familiar.

No final de semana de 7 e 8 de setembro, o MPA deu mais um grande passo na organização camponesa no Rio de Janeiro. Camponeses do assentamento Fazenda Alpina, situado no município de Teresópolis, região serrana do Rio, se reuniram afim de aprofundar sobre a organização do MPA e buscar alternativas coletivas para questões que são comuns a todos.

Um desses problemas diz respeito à grande dificuldade para comercializar a produção. Os camponeses produzem com qualidade e variedade, mas por não terem acesso às grandes redes de comercialização, cada vez mais oligopolizadas, acabam perdendo parte da produção.

Para romper o cerco dessas redes e superar tais dificuldades, os camponeses organizados estão construindo uma articulação entre sindicatos e movimentos sociais urbanos para que estes comprem suas produções. Mas a ideia é que esta articulação não se limite à comercialização.

O Estado do Rio Janeiro vive um intenso processo de desagriculturalização e de desrespeito aos direitos fundamentais daqueles que produzem alimentos. Em São João da Barra, na região do Norte Fluminense, a construção do Complexo Portuário do Açu, obra financiada com recursos públicos do BNDES, está realizando a expulsão de 1500 famílias camponesas para a […]

“Não é o camponês que tem que se adequar a uma lei imposta e insensível à produção camponesa, é a legislação que tem que se adequar a realidade do campesinato”, afirmou Clóvis Conte, da coordenação do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) de São Gabriel da Palha, durante audiência pública que discutiu a apreensão de produtos oriundos da agricultura camponesa, nesta segunda-feira (02/06) em São Gabriel da Palha-ES. O debate contou com a participação de 350 camponeses e camponesas de toda a região norte do estado.

O questionamento do camponês é baseado no fato ocorrido no final de maio (29/05), quando produtos do Mercado Popular de Alimentos foram apreendidos pelo Ministério de Agricultura, Agropecuária e Abastecimento (MAPA), ao defenderem que os alimentos não estavam sendo comercializados de acordo com as exigências da legislação sanitária.

O Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) denunciou, nesta sexta-feira (20/04) durante fechamento do V Seminário de Formação Camponesa, em Anchieta –SC, o que considera um golpe letal para a saúde dos camponeses, trabalhadores urbanos e meio ambiente: a próxima aprovação para o cultivo de eventos transgênicos de soja e milho com resistência ao poderoso herbicida 2,4-D, também conhecido como “agente laranja”.

Tag: » »

Secretaria Nacional do MPA Brasília, 11 de maio de 2011, No marco de seus 15 anos de história, o Movimento dos Pequenos Agricultores vai novamente às ruas reafirmar o seu compromisso com a luta do campesinato. Entre os dias 16 a 20 de maio, cerca de 15 mil camponeses estarão mobilizados em mais de 10 […]

Tag: