Content

Site do boletim do MST do Rio de Janeiro

Boletim 57

segunda-feira 12 Maio 2014 - Filed under Boletins

Caso não consiga visualiza o boletim corretamente, acesse http://boletimmstrj.mst.org.br/boletim57Boletim do MST RJ – N. 57 – Maio de 2014

Notícias do MST Rio

 

Assentados em Macaé se reúnem com o Incra

Representantes das famílias do Assentamento Osvaldo de Oliveira, em Macaé, região Norte do Rio de Janeiro, estiveram no Incra/RJ, em meados de abril, a fim de dar continuidade às atividades de construção e consolidação do Projeto de Desenvolvimento Sustentável (PDS). Pelo menos 12 pessoas estiveram presentes.

Pontos considerados importantes para construção do PDS do assentamento foram discutidos no dia, dentre eles, a composição de um conselho gestor para o Projeto, cuja responsabilidade inicial será a de construir um planejamento de uso da terra.

Aproximadamente 15 pessoas devem compor o conselho. Desse total, cinco podem se oriundos de institutos de ensino e pesquisa, outros cinco da sociedade civil, além de cinco do poder público. O objetivo é que o Planejamento de Uso da Terra trace a linha a ser seguida pelas famílias assentadas nas áreas do Osvaldo de Oliveira.

Leia mais…

MST participa de homenagem a Eduardo Galeano

Fonte: Assessoria de Comunicação Marcelo Freixo

“Que tal se delirarmos por um tempinho? Que tal se fixarmos nossos olhos mais além da infâmia, para imaginar outro mundo possível…”. E foi assim, por meio dos versos retirados do poema O Direito ao Delírio, de Eduardo Galeano, que Elisângela Carvalho, Dirigente Nacional do MST, homenageou o escritor e jornalista na noite de 16 de abril.

Cerca de 450 pessoas estiveram no auditório da Escola de Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (Emerj), no Centro, para ver Galeano receber de Marcelo Freixo e do vereador Eliomar Coelho (PSOL) a Medalha Tiradentes e o Título de Cidadão Honorário do Município do Rio de Janeiro, respectivamente.

Leia mais…

Universidades públicas pautam reforma agrária no RJ

Entre os dias 28 e 30 de abril, a Faculdade de Formação de Professores da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (FFP/UERJ – São Gonçalo) foi palco da 1ª Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária, realizada ao longo de todo o mês de abril, em aproximadamente 50 universidades brasileiras, com as quais o MST tem parceria.

A iniciativa objetivou incentivar o compromisso das instituições com o tema Reforma Agrária. Cerca de 200 pessoas circularam pelo evento, em São Gonçalo. Segundo Hayla Falcão, uma das organizadoras e estudante da FFP, a atividade foi importante porque promoveu o debate sobre Reforma Agrária dentro dos espaços acadêmicos. “Pensar em uma atividade em que possa debater temas como esse é extremamente necessário, já que a mídia e as próprias instituições de ensino não realizam”, afirmou.

Leia mais…

Notícias do MST Rio

Frei Beto fala sobre interesses políticos no Fome Zero e reforma agrária no Brasil

Em entrevista à Web Rádio Petroleira (do Sindipetro-RJ), no final de abril, o escritor e teólogo Carlos Alberto Libânio, mais conhecido como Frei beto, falou sobre diversos temas relacionados à realidade brasileira, dentre eles:  reforma agrária; Agrotóxico; Agronegócio; e o Programa Fome Zero, criado pelo governo federal, em 2003.

Segundo Frei Beto, o próprio governo, pressionado pelos prefeitos, decidiu erradicar o Programa Fome Zero e colocou em seu lugar o Bolsa Família, que é um programa bom, mas é um programa de caráter compensatório. “A diferença é que, quem ingressasse no Fome Zero, em três, quatro anos estaria em condições de produzir a própria renda, sem depender mais do governo. E, quem ingressa no Bolsa Família está lá até hoje, na dependência do governo…”, explicou.

Leia mais…

No Rio de Janeiro, 1o de maio tem ato junto às favelas da Maré e Manguinhos

Movimentos sociais e partidos políticos reunidos na Plenária dos Movimentos Sociais realizaram neste 1o de maio um ato em lembrança ao Dia Internacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras. Cerca de 300 pessoas marcharam na Avenida Brasil, da entrada favela da Maré até Manguinhos. O objetivo este ano foi chamar a atenção para o processo de escalada da violência do Estado, operada sobretudo dentro das favelas pelas Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs). O exército também tem contribuído com o quadro desde de que 1500 soldados invadiram a favela da Maré no início de abril.

Leia mais…

Articulação de Agroecologia do RJ lança caderno de experiências “Olhares sobre a agroecologia emergente no Rio de Janeiro”

cadernodeexperienciasNo processo de preparação para o III Encontro Nacional de Agroecologia, a Articulação de Agroecologia do Rio de Janeiro (AARJ), disponibiliza o Caderno de Experiências: “Olhares sobre a agroecologia emergente no Rio de Janeiro”!

Este conjunto de artigos materializa o esforço coletivo da AARJ em avançar na dinâmica de construção do conhecimento agroecológico dentro do estado, valorizando o processo de sistematização de experiências em agroecologia como sendo um dos pilares fundamentais para atuação em rede.

Leia mais…

Articulação de Agroecologia da Região Norte, realiza mais um encontro preparatório para o III ENA

No último sábado, 03 de maio, a Articulação de Agroecologia da Região Norte Fluminense, realizou mais uma atividade preparatória para o III Encontro Nacional de Agroecologia, que ocorrerá em Juazeiro (BA) entre os dias 16 e 19 de maio. A oficina ocorreu no assentamento Zumbi, no espaço comunitário Girassol, reunindo representantes dos grupos, movimentos e entidades atuantes na região. Alguns dos temas debatidos durante a atividade foram: a Educação do Campo, o uso dos agrotóxicos, estratégias para a agroindustrialização, assistência técnica e os conflitos territoriais existentes no norte fluminense.

Leia mais…

Notícias do Brasil

MST mobiliza 19 estados e ocupa mais de 60 terras e prédios públicos em jornada de lutas

A Jornada Nacional de Lutas por Reforma Agrária já mobilizou 19 estados e o DF, além de ações na Itália, Inglaterra, Espanha e EUA. Foram realizadas mais de 60 ocupações de terra, prédios públicos e trancamento rodovias. O MST também promoveu marchas em pelo menos quatro capitais (São Paulo, Salvador, Belo Horizonte e Recife).

A reação do latifúndio foi imediata: três militantes do MST foram assassinados em menos de uma semana, um no Paraná e dois no Rio Grande do Norte, além de três Sem Terra feridos à bala no Ceará.

Em São Paulo, mais de 1500 pessoas do MST, que chegaram em marcha na capital paulista, ocuparam o prédio da empresa Odebrecht, na região do Butantã, zona oeste, na manhã desta quinta-feira. A ação construída em conjunto com o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) visa denunciar a atuação da empresa que gera impactos à vida da população do campo e da cidade.

Leia mais…

Juazeiro da Bahia recebe agricultores de todo o Brasil em maio para discutir agroecologia

O III Encontro Nacional de Agroecologia (III ENA) será realizado de 16 e 19 de maio de 2014, em Juazeiro (BA), com o lema “Cuidar da Terra, Alimentar a Saúde, Cultivar o Futuro”. Cerca de 2 mil pessoas de todo o país, dentre elas 70% agricultoras e agricultores, e diversos segmentos da sociedade, participarão de seminários, debates e atividades culturais. Encontros como este são espaço de organização e pressão política fundamentais para a expressão democrática de uma significativa parcela da sociedade brasileira.

O evento organizado pela Articulação Nacional de Agroecologia (ANA), com a participação de diversas entidades que compõe esta rede, além de movimentos sociais do campo, da saúde, da economia solidária e do feminismo, é o resultado de um processo de mapeamento e visita a experiências concretas por meio de Caravanas Agroecológicas e Culturais, que começaram em 2013.

Leia mais…

mst-secoes_campanhacontraagrotoxicos

 

Após lançamento, O Veneno está na Mesa 2 ganha o Brasil e o Mundo

IMG_0621Lançado no dia 16 de abril, no Rio de Janeiro, o filme O Veneno está na Mesa 2 segue em exibições pelo Brasil e pelo mundo. Realizado pelo diretor Sílvio Tendler, o filme foi feito em parceria com a Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e Pela Vida, e tem como princípio ser um filme livre: pode e deve ser reproduzido e exibido por quem desejar, assim como ocorreu com o primeiro Veneno Está na Mesa.

Do Rio de Janeiro, o filme seguiu para Brasília (DF), onde foi exibido no Museu Nacional para um grande público. De lá, foi para Cuiabá (MT), e passou ainda por Coimbra. Lá houve uma exibição no Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, durante a Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária. Na mesma jornada, houve exibições na região metropolitana do RJ.

Leia mais…

Greve agrária na Colômbia já passa de 15 dias

Movimentos Sociais camponeses realizam desde o dia 28 de abril uma greve nacional na Colômbia. Umas das principais reivindicações é a renegociação dos tratados de livre comércio. Camponeses pedem ainda refinanciamento das dívidas, redução do custo de insumos e proteção econômica.

Há poucos dias uma vitória foi alcançada a partir do estabelecimento de uma mesa de negociações. Através dela serão discutidas as reivindicações com a presidência da Colômbia, que se colocam em 8 eixos: mandatos populares em terra e territórios, direitos políticos da comunidades agrárias, mineração e meio ambiente, economia étnica e camponesa, cultivos de coca, maconha e amapola, direitos sociais e paz com justiça social.

Veja mais no site: http://congresodelospueblos.org

mst-secoes_expediente

Boletim MST Rio

Produtos da Reforma Agrária à Venda!

email-ProdutosMST2

Não conseguiu comprar da última vez? Já comeu todo o doce de leite? Agora você pode comprar os laticínios Terra Viva diretamente no escritório estadual do MST.

Endereço: Av. Pres. Vargas, 502 7o andar

Horário: 9h às 18h.

Telefone: 2263-8517

2014-05-12  »  alantygel

Share your thoughts

Re: Boletim 57







Tags you can use (optional):
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>